Centro de Produções Técnicas
Voltar

Por que fazer manutenção em freios V-brake de bicicletas?

 Por que fazer manutenção em freios V-brake de bicicletas?   Artigos Cursos CPT


 Um componente essencial da bicicleta e que não recebe a devida manutenção por parte dos usuários são os freios, apesar de eles serem importantes para garantir a segurança do pedal

Um componente essencial da bicicleta e que não recebe a devida importância por uma boa parte dos usuários são os freios, apesar de eles serem uma das partes mais importantes da bicicleta para garantir a segurança do pedal. A frequência dessa manutenção aumenta quando o ciclista faz uso em condições severas como downhill ou região com muita areia ou barro. “A manutenção do freio v-brake, normalmente, está limitada a regulagem do alinhamento das sapatas e o curso do freio, mas pode ser preciso realizar a troca de cabos e do conduíte”, afirma Alcenir Júnior, professor do Curso a Distância CPT Bicicletas - Escolha, Regulagem e Manutenção, em Livro+DVD e Curso Online.

Antes de aprender como se realiza a troca do conduíte, porém, é importante saber como o freio v-brake funciona. Para funcionarem corretamente, as hastes do freio v-brake devem estar paralelas quando o freio não for acionado. Para que isso ocorra, dependendo da largura do quadro, da suspensão dianteira ou do aro, é necessário alterar a posição dos espaçadores do eixo da sapata de freio, para que a haste fique na posição correta, sem que fique muito fechada ou aberta.

O conduíte do freio é feito de uma malha de aço helicoidal que tem a função de manter o espaço interno constante, mesmo quando ele é flexionado. Já o cabo de aço é construído de fios de aço trançado que garantem alta flexibilidade, mas é fundamental que não apresente elasticidade, ou seja,
não pode variar o seu comprimento mesmo sob tração. O cabo de aço funciona por dentro do conduíte e o atrito entre eles deve ser mínimo para que a frenagem seja suave e, ao soltar o manete, o cabo volte à posição inicial, interrompendo a frenagem.

Com o objetivo de diminuir esse atrito, que nunca é nulo, os fabricantes optaram por manter conduítes somente em regiões onde o cabo necessita ser curvado, reduzindo, também, o peso final da bicicleta. Para não alterar o projeto original da bicicleta, é importante que o profissional que fará a manutenção dos freios da bicicleta sempre mantenha o comprimento de fábrica de cada trecho do conduíte.

Quer saber mais sobre o Curso? Dê Play no vídeo abaixo:


 

Conheça os Cursos a Distância CPT, em Livros+DVDs e Cursos Online, da área Treinamento Profissional.
Por Silvana Teixeira.

Você vai gostar de ler:
Por que treinar e capacitar meus garçons?
  O garçom precisa conhecer muito bem todos os produtos e serviços da empresa para a qual trabalha, para que possa oferecê-los com eficiência aos clientes Se você tem um restaurante, pizzari...
Treinamento de babás: 5 exemplos éticos para seguir no trabalho
    Além de ser sinônimo de bom caráter e demonstrar que você, babá, é de confiança, ter uma conduta moral de honestidade e pensamento no bem coletivo ajudam a boa formação da criança ...

Deixe seu comentário