Centro de Produções Técnicas
Voltar

Manutenções do câmbio dianteiro da bicicleta: como fazer

 Manutenções do câmbio dianteiro da bicicleta: como fazer   Artigos Cursos CPT


 

As principais manutenções do câmbio dianteiro da bicicleta são a sua limpeza, a troca do cabo de aço e a regulagem dos manetes

Existem dois tipos de câmbio dianteiro: os que ficam presos no quadro por uma braçadeira e parafusos Allen, e os que são fixados por um parafuso fixo. As principais manutenções do câmbio dianteiro são a sua limpeza, troca do cabo de aço e a regulagem. “É importante sempre limpar o câmbio dianteiro que estiver impregnado com poeira, barro ou outras sujidades, para diminuir o seu desgaste e para que funcione bem”, afirma Alcenir Júnior, professor do Curso a Distância CPT Bicicletas - Escolha, Regulagem e Manutenção, em Livro+DVD e Curso Online.

Para a regulagem do câmbio dianteiro, coloque antes a corrente na menor coroa, que é a posição em que o cabo fica menos tensionado. Coloque o regulador da tensão do cabo e regulagem fina do câmbio que fica no manete próximo ao meio de seu curso para que, ao fazer o ajuste fino, você tenha como tencionar ou afrouxar o cabo. Com a corrente nessa posição, para que o câmbio fique pré-regulado, puxe o câmbio um pouco para fora e estique o cabo de aço prendendo-o na presilha de fixação.

Verifique o alinhamento do câmbio em relação às coroas. Ele deve ficar perfeitamente alinhado, se estiver torto, faça o alinhamento afrouxando o parafuso de fixação. Com o câmbio alinhado, verifique a distância do câmbio para a maior coroa. A parte de baixo do lado exterior deve ficar cerca de 2 mm afastado da cora. Se for preciso, afrouxe o fixador no quadro e levante ou abaixe o câmbio até que fique na posição correta. Quando fizer essa operação, é necessário verificar novamente o alinhamento do câmbio.

O câmbio dianteiro, assim como o traseiro, possui dois parafusos identificados como “H” e “L” que servem para delimitar a amplitude do câmbio. Inicie com a regulagem de marchas leves, identificado com “L” e aperte-o ou solte-o até que a parte de dentro da haste do câmbio dianteiro esteja a cerca de 2 mm da corrente.

Com a caixa do câmbio regulada para a menor catraca, passe a corrente para a maior catraca. Para esta regulagem, é necessário girar o parafuso identificado como “H”. Desaperte o regulador para aumentar o curso do câmbio, quando ele não estiver passando para a coroa maior. Por outro lado, quando a corrente está saindo da coroa, aperte o parafuso. O ponto correto é quando a parte externa da caixa de câmbio estiver a cerca de 2 mm da corrente. Com essas regulagens feitas, verifique se as marchas estão passando corretamente, trocando-as repetidas vezes. Caso elas não estejam passando de forma suave, atue na regulagem fina nos manetes.

Observação:


A troca do cabo de aço do câmbio dianteiro deve seguir exatamente os mesmos passos que a troca do cabo do câmbio traseiro. A única diferença é que o cabo do câmbio dianteiro é um pouco menor.

Conheça os Cursos a Distância CPT, em Livros+DVDs e Cursos Online, da área Treinamento Profissional.
Por Silvana Teixeira.

 

Deixe seu comentário