6 competências comportamentais mais valorizadas no mercado

As competências comportamentais são construídas no dia a dia, no campo pessoal e profissional, por meio do autoconhecimento.

As competências comportamentais são construídas no dia a dia, no campo pessoal e profissional, por meio do autoconhecimento


Além das competências técnicas - adquiridas na faculdade, nos cursos de especialização, nos livros e/ou nos treinamentos, as empresas buscam competências comportamentais, que tornam o profissional mais valorizado no mercado de trabalho. Segundo o IBC -  Instituto Brasileiro de Coaching, para se tornar um profissional bem visto, é preciso se desenvolver de maneira completa com a aquisição de ambas as competências.

Independentemente da área de atuação, as competências comportamentais são construídas no dia a dia, no campo pessoal e profissional, por meio do autoconhecimento. Dessa forma, o profissional passa a compreender e a dominar várias habilidades, que o ajudam a potencializar suas características positivas e a aprimorar seus conhecimentos.

1.Saber se relacionar bem com as pessoas

Criar um bom relacionamento interpessoal na empresa é ponto crucial para crescer enquanto profissional. Isso porque ao se relacionar bem com as pessoas, cria-se empatia, além de fazer novos amigos, encontrar seguidores, reduzir conflitos e ter influência para conseguir apoio para projetos.

2.Saber se motivar continuamente

Quem é capaz de manter a motivação, ainda que diante das intempéries que surgem no caminho, é bem visto pela empresa. Lidar com desafios e conflitos de forma resiliente e saber tirar proveito de situações problemáticas são características comportamentais de sumo valor no mercado de trabalho.

3.Saber se comunicar de forma clara e objetiva

A comunicação dentro da empresa é vital para que a mensagem seja passada de forma adequada, sem distorções. Muitas vezes, falhas na comunicação geram mal-entendidos e até problemas mais sérios na corporação. Por tais motivos, saber se comunicar, de forma clara e objetiva, é essencial a todo profissional que busca o sucesso.

4.Saber ser criativo e inovador

Criatividade e inovação são qualidades que promovem o crescimento da empresa. Por meio delas, o profissional propõe soluções para os mais diversos problemas, agarra as oportunidades que surgem à sua volta e transforma o trivial em algo novo. Quem é criativo e inovador possui a habilidade de desenvolver métodos revolucionários de trabalho, além de criar produtos e serviços que fortalecem a marca da corporação.

5.Saber negociar dentro e fora da empresa

Ser um bom negociador não é para qualquer um – requer jogo de cintura e tino para lidar com as diferenças pessoais. O profissional com capacidade negociadora sempre mantém o clima da corporação em harmonia e tranquilidade. Isso vale para o ambiente externo - com clientes, parceiros e fornecedores. Ele busca o equilíbrio entre as partes para que ambas saiam satisfeitas da negociação.

“Negociar é uma arte. Requer sensibilidade, criatividade, assertividade, capacidade de análise, além da compreensão das relações, por meio de acesso a conceito e técnicas”, afirmam Nelson Fernandes Maciel e Raquel Carneiro da Silva, professores do Curso a Distância CPT de Negociação - Técnicas e Estratégias de Sucesso, disponível nos formatos em Livro+DVD e Online.

6.Saber aceitar as mudanças e se adaptar a elas

O profissional disposto a aceitar novos desafios e tarefas traz excelentes resultados para a empresa. Portanto, todo aquele que souber aceitar mudanças e se adaptar a elas certamente obterá êxito no campo profissional. Afinal, as empresas buscam pessoas flexíveis e positivas, que não têm medo de encarar situações conflitantes.  

Fonte G1 Economia.

Andréa Oliveira 27-10-2016 Artigos

Deixe um Comentário

Comentários

Não há comentários para esta matéria.